">

09-06-2020

A sustentabilidade da vitamina E

A sustentabilidade da vitamina E
Comprometida com a sociedade no desenvolvimento de soluções inovadoras para nutrição, saúde e vida sustentável, o propósito da Royal DSM é garantir vidas mais "brilhantes" para todos, o que inclui sua responsabilidade com o meio ambiente e o objetivo de reduzir, cada vez mais, a emissão de CO² por meio de iniciativas que corroboram a sustentabilidade do planeta e da humanidade.


Um dos exemplos mais claros desse compromisso é a produção de vitamina E. Segundo dados internos e a calculadora oficial desenvolvida pela Agência de Proteção ao Meio Ambiente dos Estados Unidos, 100 toneladas de vitamina E comercializada pela DSM podem prevenir a emissão de 3.200 toneladas de CO², o que equivale a todo o gás carbônico sequestrado por 82 mil mudas de árvores cultivadas por 10 anos.


A companhia tem a menor pegada de carbono no processo produtivo desse ingrediente, proporcionando uma redução de 23% da emissão de CO² no meio ambiente, se comparado com o mercado. Vale reforçar a diminuição de até 85% da emissão de material particulado e poeira no ar, bem como a redução de 60% da energia renovável usada no processo de desenvolvimento, o que resulta em menor impacto ambiental.


A versatilidade da vitamina E é gigantesca e amplamente utilizada na indústria de cuidado pessoal, sendo que 40% de todos os produtos para pele contêm o ingrediente ativo, pois o mesmo tem efeitos antioxidantes comprovados na melhora da hidratação e no fortalecimento da barreira da pele. Além disso, é muito comum encontrarmos shampoos, sabonetes líquidos e protetores solares com adição de vitamina E, que desempenha um papel fundamental na regeneração oxidativa da pele exposta ao sol. Um dos poderosos antioxidantes do mercado, a vitamina E elimina os radicais livres gerados pelos raios UV ou poluição.


Os benefícios da vitamina E são notórios, porém não podemos deixar de nos preocupar com a saudabilidade do planeta. Dados mais recentes da Administração Nacional Oceânica e Atmosférica dos Estados Unidos (NOAA) mostram que os níveis globais de dióxido de carbono (CO²) estão aumentando gradativamente, apesar de observarmos uma melhoria da qualidade do ar em meio ao isolamento social.


Hoje, apesar do cenário que vivenciamos globalmente, é essencial olharmos para os desafios coletivos e individuais em relação ao cuidado com a nossa saúde, bem como nossa responsabilidade com o meio ambiente, para que possamos vivenciar um mundo mais promissor e saudável no futuro.


Texto de Edson Barros, diretor de Cuidados Pessoais & Aromas da DSM para América Latina. Barros tem bacharelado em Química e MBA em Administração de Empresas pela Universidade da Carolina do Norte, nos Estados Unidos.




Notícias relacionadas

SPA em casa: tratamentos caseiros e oportunidades em fragrâncias

A Kaapi oferece inovações para briefings diversificados, em sintonia com a valorização do autocuidado

+

Platinados: você escolhe o processo, nós trazemos as soluções

Conheça os benefícios de Filcortex VEG e Ormadry CLC, da Assessa

+

Microgel da Momentive aumenta a performance das formulações

Silsoft* EAU Microgel é um produto inovador, direcionado a produtos para o cuidado da pele, maquiagem e proteção solar

+

Proteção para Cabelos Tingidos

Existem vários produtos para proteção de cor que ajudam a diminuir a velocidade de desbotamento, mas poucos produtos conseguem manter a aparência de “acabei de sair do salão”

+

Deixe seu comentário

código captcha

Seja o Primeiro a comentar

Novos Produtos