08-10-2021

In-cosmetics Latin America é adiada para 2022

In-cosmetics Latin America é adiada para 2022
A RX (Reed Exhibitions), responsável pela organização e realização da in-cosmetics Latin America, comunica o adiamento do evento para 2022. A medida tem como base a reavaliação dos impactos do setor diante do cenário atual da pandemia de covid-19 e está alinhada às expectativas e recomendações de patrocinadores e empresas do setor.


Originalmente programada para os dias 10 e 11 de novembro de 2021, a in-cosmetics Latin America será realizada nos dias 21 e 22 de setembro de 2022, no Expo Center Norte, em São Paulo. A RX informa que segue trabalhando para proporcionar aos expositores e visitantes oportunidades de interação em formato digital, como webinars, artigos e entrevistas, com foco em inovação e tendências.


A organizadora destaca que químicos, formuladores, profissionais de marketing e P&D da indústria de cosméticos terão novidades digitais ainda neste ano. Entre elas está o lançamento, em breve, do Innovation Day: uma série de apresentações virtuais com especialistas, destacando soluções inovadoras e que traduzem a essência da feira.


“Esta conexão digital está alinhada à nova estratégia da RX, a de promover o relacionamento entre expositores e visitantes de forma constante, nos 365 dias do ano, seja no ambiente virtual ou em grandes eventos presenciais”, declara a empresa. Para saber mais acesse: www.in-cosmetics.com/latin-america




Notícias relacionadas

Embacaps comemora 35 anos com a abertura da filial em São Paulo

2021 é o ano em que a Embacaps completa 35 anos. Também é o ano em que a empresa trilhou novos caminhos e abriu sua sede em São Paulo. O momento é marcado por conquistas e comemorações

+

Estée Lauder comemora 1º semestre no Brasil com portfólio mundial completo

A meta da marca norte-americana é se tornar líder em skin care no país

+

Confiança do consumidor tem alta após dois meses seguidos de quedas, diz FGV

O ICC subiu 1,0 ponto em outubro ante setembro, na série com ajuste sazonal

+

FMI aumenta para 6,3% a estimativa de crescimento do PIB na AL e Caribe

A revisão representa alta de 1,7 ponto porcentual em comparação à estimativa feita em abril

+

Deixe seu comentário

código captcha

Seja o Primeiro a comentar

Novos Produtos