16-09-2021

Inflação é maior para famílias de menor renda, diz Ipea

Inflação é maior para famílias de menor renda, diz Ipea
O Indicador de Inflação por Faixa de Renda, apurado pelo Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea), mostrou que a inflação das famílias mais pobres aumentou 0,91% em agosto. O avanço é resultado da alta dos alimentos, mais relevantes na cesta de consumo dessas famílias. A inflação das faixas de renda muito baixa e baixa acumula alta de 10,63% e 10,37%, respectivamente, em 12 meses.


A inflação das famílias de renda média subiu 0,87% em agosto e a das famílias de renda alta aumentou 0,78% – com inflação acumulada em 12 meses de 9,46% e 8,04% para esses dois grupos. De acordo com o Ipea, além do menor peso dos alimentos na cesta de consumo, as famílias de maiores rendimentos se beneficiam de uma pressão menor da inflação de serviços. O Ipea aponta que a reabertura deve mudar o cenário, com altas nos preços de serviços neste último trimestre.




Notícias relacionadas

Grupo Boticário desenvolve Centro de Pesquisa do Olfato

O centro de pesquisa reunirá pesquisadores, médicos e especialistas em neurociência, em perfumaria e em comportamento humano

+

FCE Cosmetique começa hoje

O evento, realizado nos dias 30 de novembro a 2 de dezembro, terá mais de 400 marcas expondo seus produtos e lançamentos

+

Confiança do setor de serviços recua ao menor nível em cinco meses, diz FGV

Em novembro, o Índice de Confiança de Serviços teve queda de 2,3 pontos e foi a 96,8 pontos

+

IGP-M desacelera em novembro

O índice teve variação de 0,02%, após alta de 0,64% em outubro, apontou a FGV

+

Deixe seu comentário

código captcha

Seja o Primeiro a comentar

Novos Produtos