18-06-2020

Evonik e Beiersdorf iniciam pesquisa para transformar CO2 em produtos de cuidado pessoal

Evonik e Beiersdorf iniciam pesquisa para transformar CO2 em produtos de cuidado pessoal
Beiersdorf e Evonik firmaram um acordo de parceria de pesquisa que tem por objetivo desenvolver matérias-primas sustentáveis para aplicação em produtos de cuidado pessoal usando dióxido de carbono (CO2) como insumo inicial. A Beiersdorf busca novas fontes de matérias-primas que também contribuam para a redução da pegada de carbono da empresa.


Uma das possibilidades é a tecnologia de fotossíntese artificial. Com a ajuda de bactérias e da eletricidade proveniente da energia solar, valiosas matérias-primas são produzidas com água e CO2, tendo como modelo a fotossíntese natural. O projeto de pesquisa conjunta entre a Evonik e a Beiersdorf está sendo financiado pelo Ministério Federal Alemão para Educação e Pesquisa (BMBF), que destinou cerca de 1 milhão de euros para a iniciativa.


“Em conjunto com a Evonik, estamos determinando quais matérias-primas podem ser produzidas com a ajuda da fotossíntese artificial e que seriam potencialmente adequadas aos nossos produtos de cuidado pessoal. Embora isso já seja observado em um estágio inicial em diversas outras indústrias, na cosmética a aplicação ainda está engatinhando. É por esse motivo que estamos especialmente orgulhosos do estabelecimento dessa parceria de pesquisa”, destacou May Shana’a, vice-presidente sênior de pesquisa e desenvolvimento da Beiersdorf.


A plataforma tecnológica necessária para a fotossíntese artificial está sendo desenvolvida pela Evonik em conjunto com a Siemens no projeto Rheticus, igualmente apoiado pelo BMBF. A Evonik acredita que a cooperação de pesquisa com a Beiersdorf representa uma oportunidade de ampliar seu futuro portfólio de produtos, utilizando a fotossíntese artificial. “Com a Beiersdorf, temos um parceiro que se une a nós com o objetivo de ampliar a cadeia de valor, para incluir produtos sustentáveis à base de CO2 nos interesses do consumidor”, afirmou Thomas Haas, responsável pela área de fotossíntese artificial na Evonik.




Notícias relacionadas

CMN amplia limite de renda para microcrédito

A medida pretende aperfeiçoar o programa de microcrédito produtivo orientado e ampliar o número de beneficiários atendidos

+

Boticário tem processo de estágio 100% on-line e sem testes de inglês

O grupo também informa que, pela primeira vez, o programa de estágio no setor de tecnologia aceitará candidatos autodidatas em programação

+

Pesquisa destaca relação entre problemas dermatológicos e saúde mental

De acordo com um levantamento feito no Reino Unido, 98% dos portadores de doenças de pele entrevistados afirmaram que sua condição afeta seu bem-estar emocional e psicológico

+

IPCA-15 de setembro é o maior para o mês desde 2012

O índice avançou 0,45%, pressionado pelos preços de alimentos e bebidas, aponta o IBGE

+

Deixe seu comentário

código captcha

Seja o Primeiro a comentar

Novos Produtos