09-01-2020

Índice que mede ritmo do emprego alcança maior nível desde abril

O Indicador Antecedente de Emprego (IAEmp) terminou 2019 em seu maior nível desde abril, indicando uma perspectiva mais otimista para o mercado de trabalho, informou a Fundação Getulio Vargas (FGV). O IAEmp, que antecipa os rumos do mercado de trabalho no Brasil, subiu 1,5 ponto em dezembro na comparação com o mês anterior, chegando a 89,9 pontos, maior leitura desde os 92,5 pontos registrados em abril.


“Depois de passar por alguns meses sem mostrar uma reação clara, o indicador sugere que as expectativas para o mercado de trabalho se tornaram mais favoráveis no último trimestre”, disse o economista Rodolpho Tobler em nota. No entanto, o patamar ainda baixo do indicador mostra que ainda há um longo e gradual caminho de recuperação.


O Indicador Coincidente de Desemprego (ICD), que capta a percepção das famílias sobre o mercado de trabalho, teve queda de 0,8 ponto em dezembro, para 95,3 pontos. O comportamento do ICD é semelhante ao da taxa de desemprego, ou seja, quanto menor o número, melhor o resultado.




Notícias relacionadas

Fundo de investimentos compra participação na Duty Cosméticos

A marca de produtos capilares foi lançada em 2019 por Daniel de Jesus, que alguns anos atrás vendeu a Niely para a L’Oréal

+

L’Occitane cria fundo para emergências climáticas

Em sua primeira iniciativa, o grupo disponibilizará € 400 mil para ajudar a financiar projetos dedicados à revitalização de ecossistemas

+

Estudo revela o nível de maturidade digital das marcas no Brasil

De acordo com o indicador IMD Brasil, os setores de cosméticos e moda estão entre os mais avançados em transformação digital

+

31% dos brasileiros estão preocupados com métodos de produção, diz CNI

Pesquisa produzida pela Confederação Nacional da Indústria destaca hábitos da população em relação ao consumo consciente

+

Deixe seu comentário

código captcha

Seja o Primeiro a comentar

Novos Produtos