08-11-2019

IPCA tem menor taxa para o mês de outubro desde 1998

O Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), considerado a inflação oficial do país, subiu 0,10% em outubro, segundo dados divulgados pelo IBGE. Essa é o menor resultado para um mês de outubro desde 1998, quando o índice registrou variação de 0,02%.


Com o resultado, o índice acumula alta de 2,60% em nove meses. Em 12 meses, o IPCA avançou 2,54%, abaixo dos 2,89% registrados nos 12 meses imediatamente anteriores, ficando abaixo do piso da meta definida pelo governo para o ano. O cenário reforça as expectativas de economistas, de um novo corte na taxa básica de juros, atualmente em 5% ao ano.


A meta central de inflação para este ano é de 4,25% e o intervalo de tolerância varia de 2,75% a 5,75%. A variação de 2,54% em 12 meses é a menor para esse intervalo desde agosto de 2017 (2,46%). Os grupos apresentaram as seguintes variações em outubro: Alimentação e Bebidas, 0,05%; Habitação, -0,61%; Artigos de Residência, -0,09%; Vestuário, 0,63%; Transportes, 0,45%; Saúde e Cuidados Pessoais, 0,40%; Despesas Pessoais, 0,20%; Educação, 0,03%; e Comunicação, -0,01%.




Notícias relacionadas

Preocupação com meio ambiente gera mudança de hábitos, diz pesquisa

As principais mudanças mencionadas pelos consumidores estão relacionadas à preferência por embalagens recicláveis e redução do uso de plástico

+

Intenção de consumo das famílias cresce 1,3% em novembro, aponta CNC

Na comparação com novembro de 2018, o indicador teve alta de 8,7%

+

Associação de shoppings projeta alta de 18% em vendas na Black Friday

Segundo a Alshop, os segmentos de perfumaria e cosméticos estão entre os mais procurados na data

+

Confiança do empresário da indústria sobe 3,2 pontos em novembro, diz CNI

O Índice de Confiança do Empresário Industrial atingiu 62,5 pontos, numa escala que vai de zero a 100

+

Deixe seu comentário

código captcha

Seja o Primeiro a comentar

Novos Produtos