06-11-2019

IPC-C1 tem queda de 0,12% em outubro, informa FGV

Segundo dados da Fundação Getulio Vargas (FGV), o Índice de Preços ao Consumidor - Classe 1 (IPC-C1) — que mede a variação de preços de produtos e serviços para famílias com renda entre um e 2,5 salários mínimos — caiu 0,12% em outubro, 0,03 ponto percentual abaixo de setembro. Com o resultado, o indicador acumula alta de 3,07% no ano e 3,14% nos últimos 12 meses.


O IPC-BR, que mede a variação dos preços para famílias com renda de um a 33 salários mínimos mensais, variou -0,09%. A taxa do indicador nos últimos 12 meses ficou em 2,93%, nível abaixo do registrado pelo IPC-C1. Quatro das oito classes de despesa componentes do índice registraram decréscimos: Habitação (0,26% para -0,47%), Comunicação (0,54% para -0,03%), Educação, Leitura e Recreação (0,37% para 0,09%) e Saúde e Cuidados Pessoais (0,22% para 0,20%). Registraram avanços os grupos: Alimentação (-0,72% para -0,18%), Despesas Diversas (0,13% para 0,45%), Transportes (0,03% para 0,14%) e Vestuário (0,03% para 0,07%).




Notícias relacionadas

Preocupação com meio ambiente gera mudança de hábitos, diz pesquisa

As principais mudanças mencionadas pelos consumidores estão relacionadas à preferência por embalagens recicláveis e redução do uso de plástico

+

Intenção de consumo das famílias cresce 1,3% em novembro, aponta CNC

Na comparação com novembro de 2018, o indicador teve alta de 8,7%

+

Associação de shoppings projeta alta de 18% em vendas na Black Friday

Segundo a Alshop, os segmentos de perfumaria e cosméticos estão entre os mais procurados na data

+

Confiança do empresário da indústria sobe 3,2 pontos em novembro, diz CNI

O Índice de Confiança do Empresário Industrial atingiu 62,5 pontos, numa escala que vai de zero a 100

+

Deixe seu comentário

código captcha

Seja o Primeiro a comentar

Novos Produtos