">

12-08-2019

“Prévia” do PIB, feita pelo Banco Central, recua 0,13% no 2º trimestre

A economia brasileira registrou retração de 0,13% no segundo trimestre de 2019, na comparação com o primeiro trimestre, segundo o Índice de Atividade Econômica (IBC-Br), uma espécie de "prévia" do Produto Interno Bruto (PIB), divulgada hoje pelo Banco Central.


Como o nível de atividade já havia recuado 0,2% nos três primeiros meses deste ano, contra o último trimestre do ano passado, a economia brasileira pode ter entrado em uma “recessão técnica” – termo utilizado para caracterizar dois trimestres seguidos de declínio do PIB.


Segundo o IBGE, na recessão técnica é considerada a possibilidade de recuperação no curto prazo. É diferente da recessão de fato, quando a situação do país está se deteriorando significativamente. O IBC-BR do Banco Central é somente um indicador criado para tentar antecipar o resultado do PIB, que é calculado pelo IBGE. Os números oficiais do PIB do primeiro trimestre serão divulgados no dia 29 de agosto.


Quando a comparação é feita com o resultado do segundo trimestre de 2018, o IBC-Br do primeiro trimestre de 2019 indica alta de 0,85% (sem ajuste sazonal). Em 12 meses até junho deste ano, também sem ajuste sazonal, os números do BC indicam uma expansão de 1,08%.




Notícias relacionadas

Pinterest destaca 100 tendências para 2020

A sexta edição do relatório Pinterest 100 traz tendências como “Além do binário”, “Encontrando equilíbrio” e “Reprise dos anos 90”

+

Natura recebe premiação da ONU na Conferência do Clima, em Madri

A empresa recebeu o UN Global Climate Action Award por seu Programa Carbono Neutro, criado há 12 anos

+

IMCD Brasil tem nova liderança na área de personal care

Wiron Viana passa a comandar a unidade de negócios Personal Care & Home Care da empresa

+

International Fragrance Association inicia operação na AL com escritório em SP

A entidade elegeu São Paulo para sediar sua atuação na América Latina, que até então era atendida por meio das associações nacionais estabelecidas na região

+

Deixe seu comentário

código captcha

Seja o Primeiro a comentar

Novos Produtos