06-06-2019

Vendas diretas crescem no mundo e Brasil segue líder na América Latina

Segundo dados divulgados pela World Federation of Direct Selling Associations (WFDSA), federação que reúne as associações de vendas diretas, a movimentação global nesse mercado passou de US$ 190,6 bilhões em 2017 para US$ 192,9 bilhões no ano passado, o que representa alta anual de 1,2%.


Os dados da WFDSA também apontam que a China ultrapassou os Estados Unidos e agora é a líder no ranking mundial do mercado de vendas diretas. Coreia do Sul, Alemanha, Japão e Brasil completam a lista dos seis maiores mercados de vendas diretas no mundo.


Em 2017, 116,6 milhões de pessoas atuavam com vendas diretas pelo mundo, no ano seguinte o número avançou para 118,4 milhões. Autonomia e horários flexíveis são fatores que atraem pessoas de grupos etários variados. De acordo com a WFDSA, dos 118,4 milhões de empreendedores na área, 26% têm de 35 a 44 anos e 24% de 45 a 54 anos. Seguindo uma tendência mundial, a categoria bem-estar voltou a liderar entre os produtos mais vendidos, com 33,2%. Cosméticos e itens de cuidado pessoal aparecem em seguida, com 31,2%. O terceiro posto da lista ficou com equipamentos domésticos e cuidados para casa, com 12,8% das vendas.


“Os dados da WFDSA mostram que o setor de vendas diretas tem enorme potencial para seguir crescendo, no Brasil e no mundo. Com a força de vendas cada vez maior e mais engajada e o apoio das mídias sociais e da tecnologia, o setor deve apresentar crescimento ainda maior em 2019”, avalia Adriana Colloca, presidente-executiva da Associação Brasileira de Empresas de Vendas Diretas (ABEVD). A entidade recebeu da WFDSA o Status Gold de boas práticas e padrões organizacionais de desempenho, na mais recente reunião da federação, realizada em Milão, na Itália.




Notícias relacionadas

Amazon cria loja exclusiva para profissionais de beleza

Com a Amazon Professional Beauty Store, o objetivo é oferecer melhores experiências de compra e suporte direcionado aos profissionais

+

Expectativa do consumidor para inflação anual segue estável em 5,4%, diz FGV

A pesquisa Sondagem do Consumidor é realizada mensalmente, em sete capitais. Para as famílias com renda mais baixa, a expectativa mediana subiu para 6,2%

+

L’Oréal Paris tem, pela primeira vez, uma mulher na direção geral

Delphine Viguier-Hovasse ingressou na empresa em 1997 e ocupou vários cargos de gestão de marketing na Gemey-Maybelline-Garnier e na L’Oréal Paris

+

Natura abre segunda loja em Brasília

O espaço usa a tecnologia a serviço da experiência do consumidor e permite maior interação com os produtos e a história da marca

+

Deixe seu comentário

código captcha

Seja o Primeiro a comentar

Novos Produtos