Tricologia

Envelhecimento e cabelos

Novembro/Dezembro 2021

Valcinir Bedin

colunistas@tecnopress-editora.com.br

Valcinir Bedin

O envelhecimento, a queda e o afinamento dos cabelos so caractersticas proeminentes e comuns na populao idosa. Em alguns indivduos, esses processos podem afetar significativamente sua qualidade de vida, levando a depresso, ansiedade e outros problemas graves de sade mental. Consequentemente, tem havido muito interesse em compreender as complexas mudanas fisiolgicas no folculo capilar no indivduo em envelhecimento.

Sabe-se agora que os folculos capilares representam um nicho prototpico de clulas-tronco, em que as influncias micro e macroambientais so integradas s interaes clula-tronco e clula-tronco de nicho para determinar o crescimento do cabelo ou a senescncia do folculo capilar.

Estudos recentes identificaram a diferenciao desequilibrada das clulas-tronco e a atividade alterada das clulas-tronco como fatores importantes durante a queda de cabelo, indicando novos caminhos para o desenvolvimento de agentes teraputicos para estimular o crescimento do cabelo.

O cabelo a melhor ferramenta de autoexpresso de beleza pessoal. mais malevel do que a pele e mais pessoal do que a roupa. No entanto, o cabelo no permanece constante com a idade. O cabelo est provavelmente em seu pico de condio por volta dos 30 anos de idade. Com o tempo, h uma mudana gradual em muitos aspectos: o dimetro do cabelo reduzido, sua densidade diminui, pode desenvolver-se alopecia andrognica, e a pigmentao pode diminuir, produzindo um impacto psicolgico significativo. Essas mudanas relacionadas idade podem ser exacerbadas por tratamentos qumicos como alisamento por calor, permanente e colorao.

Os folculos capilares sofrem vrias alteraes com o envelhecimento, sendo a mais perceptvel o envelhecimento da haste do cabelo devido perda de melanina. O envelhecimento ocorre na maioria dos indivduos, a partir de diferentes idades. Est relacionado diminuio do nmero e da atividade dos melancitos do bulbo capilar, que eventualmente desaparecem completamente do bulbo capilar branco. Os melancitos no ativos residuais permanecem na bainha externa da raiz e nas reas do bulge, o que permite a repigmentao do cabelo sob certos estmulos ou condies. A reverso da cancie, nome cientfico dos cabelos brancos, um desafio para os formuladores de produtos capilares.

Muito parecidas com o penteado de um indivduo, as fibras de cabelo ao longo do couro cabeludo sofrem uma srie de mudanas ao longo da vida. Com o passar das dcadas, o brilho e o volume, sinnimos de cabelos jovens, podem dar lugar a cabelos finos, opacos e quebradios, comumente associados ao envelhecimento. Essas alteraes so o resultado de uma compilao de elementos genticos e ambientais que influenciam as clulas do folculo piloso, especificamente as clulas-tronco do folculo piloso e os melancitos.

Encurtamento do telmero, diminuio do nmero de clulas e fatores de transcrio particulares foram todos implicados neste processo. Por sua vez, essas alteraes moleculares levam a modificaes estruturais da fibra capilar, diminuio da produo de melanina e alongamento da fase telgena do ciclo capilar. Apesar dessa progresso inevitvel com o envelhecimento, existe uma variedade de tratamentos, como uso de luz e medicamentos, que foram desenvolvidos para atenuar os efeitos do envelhecimento, principalmente calvcie e cabelos ralos. Embora cada um funcione por meio de um mecanismo diferente, todos visam manter ou potencialmente restaurar a qualidade juvenil do cabelo.

O fototricograma uma tcnica no invasiva por meio da qual, na mesma regio precisa do couro cabeludo, cada fio individual pode ser identificado e sua fase de crescimento atual estabelecida. Esta tcnica foi usada para estudar a durao dos ciclos capilares em 10 indivduos do sexo masculino, calvos e no calvos, por meio de observaes em intervalos mensais durante um perodo de 8-14 anos. Os dados acumulados serviram para caracterizar os efeitos do envelhecimento nesses sujeitos: uma reduo na durao do crescimento do cabelo e no dimetro das hastes do cabelo, mais evidente nos fios mais grossos, e um prolongamento do intervalo que separa a queda de um cabelo em telgeno e o surgimento de um fio de cabelo substituto no angeno. Esses vrios aspectos do envelhecimento do couro cabeludo contribuem para seu empobrecimento geral progressivo. Eles se assemelham aos observados durante a calvcie de padro masculino, embora seu desenvolvimento seja menos acentuado.

Finalmente, mas no menos importante, existe uma teoria segundo a qual o aparecimento de radicais livres no couro cabeludo levaria ao envelhecimento dessa rea do corpo humano e, consequentemente, senescncia dos cabelos.

Cabe a quem trabalha nessa rea estudar a fisiopatologia desse processo e encontrar mecanismos e substncias que possam revert-lo.



Outros Colunistas:

Deixe seu comentário

código captcha

Seja o Primeiro a comentar

Novos Produtos