Clean Beauty

Ver Revista online Baixar PDF
Edição Atual - Clean Beauty

Cuidado especial 

Na esteira do crescimento das várias vertentes de consumo que pregam a integração de beleza, saúde e bem-estar, a clean beauty deu seus primeiros passos no cenário internacional com novas e pequenas marcas, como a norte-americana Drunk Elephant e a japonesa Tatcha. As clean brands ganharam cada vez mais visibilidade, atraindo a atenção de gigantes do setor.

Um cosmético “limpo” é livre de ingredientes comprovadamente tóxicos, potencialmente nocivos ou desnecessários na formulação. Cosméticos clean são desenvolvidos com um cuidado especial em relação à segurança do consumidor e sem substâncias consideradas “proibidas”, como ftalatos, parabenos e sulfato.

Dentre outros fatores importantes na elaboração de um cosmético clean, está a redução do número de ingredientes na formulação, desde que não haja comprometimento do desempenho e da aparência da forma cosmética do produto.

Cosméticos limpos não são necessariamente naturais, orgânicos e veganos. No entanto, por não haver uma definição unânime para o termo clean beauty, há diferentes abordagens no mercado, majoritariamente associadas à sustentabilidade. 

Esta Edição Temática: Clean beauty aborda os aspectos importantes na formulação de um cosmético “limpo”, marcas que têm esse posicionamento e produtos de destaque no segmento, ingredientes inovadores e algumas das substâncias “proibidas” nas composições desses cosméticos. 

Erica Franquilino
Editora-executiva

Novos Produtos