24 de Setembro de 2018
14-09-2018

CNC diminui previsão de crescimento do varejo

Diante do terceiro resultado negativo do comércio varejista, a Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC) revisou para baixo, pela quarta vez neste ano, sua previsão de crescimento do setor em 2018. A entidade baixou para 4,3% sua estimativa de crescimento. A previsão anterior apontava para uma expansão de 4,5%. Em junho, a estimativa era de alta de 5%.


A CNC destacou que o ritmo de crescimento do setor até o final do ano será menor do que o da primeira metade de 2018, quando ficou 5,4% acima do mesmo período do ano passado. Para o segundo semestre, a entidade projeta que as vendas irão crescer a um ritmo de 2,8% em relação à segunda metade de 2017.


De acordo com a Divisão Econômica da CNC, a queda no ritmo do varejo é explicada pela baixa confiança do consumidor. Segundo a entidade, as perdas de julho – queda de 0,5% na comparação com junho e de 1% em relação a julho do ano passado – teriam sido ainda mais expressivas se não fosse o crescimento de 1,7% no setor de hiper e supermercados.

Comentários

código captcha

Seja o Primeiro a comentar

Novos Produtos