10-08-2018

Produção industrial cresce em 13 dos 15 locais pesquisados pelo IBGE

Em junho, a produção da indústria cresceu em 13 dos 15 locais pesquisados pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) na comparação com maio. As maiores altas aconteceram no Paraná (28,4%), Mato Grosso (25,6%), Goiás (20,8%), Rio Grande do Sul (17,0%), Santa Catarina (16,8%), São Paulo (14,8%) e Pernambuco (13,5%).


As quedas do mês de junho foram registradas no Espírito Santo (-2,0%) e no Amazonas (-1,1). Na comparação com igual mês de 2017, o setor industrial cresceu em 11 dos 15 locais pesquisados. Após o recuo de 11% registrado em maio em meio a greve dos caminhoneiros, a indústria brasileira avançou 13,1% em junho, conforme divulgado na semana passada pelo IBGE. No acumulado em 12 meses, a alta é de 3,2%. No fechamento do 2º trimestre na comparação com o 1º trimestre, entretanto, houve queda de 2,5%.


No acumulado nos últimos 12 meses, houve alta na produção em 12 dos 15 locais pesquisados, mas apenas oito aumentaram o dinamismo na comparação com maio. Bahia (de 0,2% para 1,8%), Região Nordeste (de -0,6% para 0,3%), Pernambuco (de -0,3% para 0,6%), Paraná (de 2,1% para 2,8%) e Pará (de 9,4% para 9,9%) tiveram os maiores ganhos de ritmo, enquanto Espírito Santo (de -1,9% para -3,3%) e Ceará (de 3,0% para 2,3%) registraram as maiores perdas.




Notícias relacionadas

Grupo Kosmoscience anuncia novidades na gestão de negócios

Nelson Perassinoto é o novo diretor-executivo do grupo. Ele assume a gestão de negócios e processos para o mercado nacional, funções até então exercidas por Adriano Pinheiro, que passa à presidência da empresa

+

P&G compra a Walker & Co

Detentora das marcas Bevel e Form Beauty, a norte-americana Walker & Co comercializa produtos de cuidado pessoal desenvolvidos para pessoas negras

+

Natura estimula paternidade ativa

A empresa ampliará o atendimento do berçário nas sedes de São Paulo e Cajamar aos funcionários que são pais, a partir de fevereiro de 2019

+

Copom mantém Selic em 6,5% ao ano

A taxa básica de juros permanece inalterada pela sexta vez seguida

+

Deixe seu comentário

código captcha

Seja o Primeiro a comentar

Novos Produtos