Cosmetics

Edição Atual

http://kosmoscience.com.br/
https://www.fcecosmetique.com.br/pt/credenciamento?utm_source=Credenciamento&utm_medium=Banner%20site&utm_campaign=Permuta%20CT%20Credenciamento
http://www.bbquimica.com.br/bbq/
http://farmacosmetica.com.co/
http://www.sarfam.com.br
http://www.cosmotec.com.br/
http://www.quimicaanastacio.com.br
http://latinamerica.in-cosmetics.com/pt-br/home/?utm_campaign=C&T&utm_medium=media-partner&utm_source=C&T&utm_audience=visitors&utm_content=banner
25 de Abril de 2018

Tendências

The new luxury

Março/Abril 2018

John Jimenez

John Jimenez

colunistas@tecnopress-editora.com.br

No mês de março, tivemos em Bogotá o evento Luxury Beauty Day, que foi um dia dedicado a apresentações, conceitos e novidades no segmento de luxo. Como convidada principal, esteve conosco Karen Young, do The Young Group, de Nova York, que fez uma interessante apresentação sobre o futuro do luxo.

A percepção do luxo tem mudado nos últimos 20 anos e, no entanto, sua definição também está em um processo de transformação. Antes, o luxo estava envolvido num conceito de exclusividade, rendimento superior, prazer, suntuosidade, indulgência, sofisticação, desenho estético, finos detalhes e mão de obra... Agora, o novo luxo está relacionado também com experiências, alta sensorialidade, transparência, bem-estar, benefícios holísticos e qualidade de vida. É precisamente nestes últimos parâmetros que as marcas de luxo estão concentrando os esforços para ter novos focos que possam cumprir os desejos dos novos consumidores.

On-line luxury: O segmento do luxo nos cosméticos é muito interessante porque está crescendo desde 2016. De fato, diversas novas marcas dedicadas ao luxo estão crescendo muito e ganhando participação no mercado, acima de tudo porque o consumidor tem uma alta oferta de produtos que podem ser adquiridos on-line.

Baby brands: As marcas tradicionais estão perdendo participação no mercado, já que as novas marcas de luxo – baby brands e indie brands – estão atingindo um crescimento anual de dois dígitos.

Millenial luxury: Os millenials estão revolucionando o conceito de luxo, já que exigem um consumo mais ético. Antes, em alguns casos, o luxo não levava em conta os assuntos ambientais e, agora, os valores são outros e as marcas precisam se adaptar.

Prosumerism: Está relacionado com a consciência das pessoas de fazer as coisas por si mesmas e cuidar do meio ambiente ao mesmo tempo. Esta tendência está relacionada com tudo que se pode fazer à mão, no que as redes sociais têm um papel importante, já que ensinam, por meio de tutoriais, e geram conexões com outras pessoas com os mesmos interesses. Finalizações únicas e exclusivas como se observam nas tendências nail care, também produtos como shampoos que podem ser feitos em casa com ingredientes únicos e raros que fornecem um toque exclusivo e diferente versus outros produtos do mercado.

Ecofashion: Os consumidores querem valor agregado em produtos como sabonetes feitos à mão, com fragrâncias e extratos únicos misturados com arte, já que os desenhos têm a tendência de ser vanguardistas e comunicam personalização, muitas horas de trabalho, criação e um toque individual.

Package free: Produtos que conceitualmente são mais luxuosos, não têm embalagem - um enfoque alinhado a tendências veganas e orgânicas.

Provocation: Durante o simpósio, Alejandra Ortega apresentou uma interessante conferência, que tinha como título “O luxo na era da provocação”. Foi muito criativa porque ela evidenciou como as marcas do luxo se esforçam para criar conceitos que provoquem o consumidor e apresentou os mandamentos do luxo no século XXI: exclusividade; precisão nos detalhes; alta qualidade; enriquecer a inovação; apostar na criatividade; e comunicar sobre a provocação.

Bifurcation: Essa é uma tendência muito interessante. Um recente estudo feito nos Estados Unidos mostrou que, durante os últimos cinco anos, as marcas low-price e as marcas luxury têm tido um alto crescimento, enquanto as marcas de preço médio se estagnaram. Esse comportamento também está relacionado com um recente estagnação da classe média em alguns países. As marcas estão fazendo grandes esforços para se ajustar aos segmentos de hard-discount e ultra-luxury. Na América Latina, é comum ver que as lojas low-price se encontram ao lado das lojas de produtos luxuosos. Esses dois segmentos estão ganhando bastante participação no mercado nas lojas de preços tradicionais.

Luxury for rent: Para quê comprar o luxo se podemos alugar? Esta é uma tendência emergente, e as razões não são somente econômicas.

Luxury genderless: Na perfumaria, estamos vendo como os conceitos genderless estão em fervor no lançamento de fine fragrances. A não distinção de gêneros é a nova norma. “His” e “Her” começam a desaparecer nos conceitos. Essa tendência também começa a estar presente em skin care e color cosmetics.

O luxo é um conceito social que muda com o tempo. É errado considerá-lo estático. Ele se adapta às correntes sociais e às tendências. Os millenials têm sobrevivido à democratização do luxo. Por isso, muitas marcas estão se adaptando para oferecer mais experiências e bem-estar. Esse é o novo luxo. De fato, esse ano a associação espanhola dos empresários das marcas de luxo, Fortuny, pediu à Real Academia Espanhola que modificasse a aceitação do vocábulo, aproximando-o mais ao emocional e ao acessível que ao material e ao excesso.

A cosmética na América Latina tem uma grande oportunidade para inovar no mercado do luxo.

Cosmetics Online

Outros Colunistas:

Adolfo Braga Neto - Mediação Antonio Celso da Silva - Embale Certo Artur João Gradim - Assuntos Regulatórios Carlos Alberto Pacheco - Mercado Carlos Alberto Trevisan - Boas Práticas Carmita  Magalhães - Fragrâncias Cristiane M Santos - Direito do Consumidor Denise Steiner - Temas Dermatológicos Dermeval de Carvalho - Toxicologia Emiro Khury - Assuntos Regulatórios Francine Leal Franco - Sustentabilidade John Jimenez - Tendências Luis Antonio Paludetti - Manipulação Cosmética Luiz Brandão - Assuntos Regulatórios Valcinir Bedin - Tricologia Wallace Magalhães - Gestão em P&D Cosmetics Online

Comentários

código captcha

Seja o Primeiro a comentar

Cosmetics